Select Language
  • Português
  • Français
  • Español
  • English
  • العربية

Colocar a EM em destaque através de filmes, animações e documentários

Neste Dia Mundial da EM, as organizações em todo o mundo estiveram à altura do desafio de dar destaque ao impacto invisível da EM.

Vá buscar as pipocas! Maio tem sido um mês de bastante criatividade, com as organizações de EM a produzir e lançar filmes, animações e entrevistas em vídeo.

Em São Paulo, no Brasil, a HM-1 Artistic Productions e a Associação Brasileira de Esclerose Múltipla (ABEM) lançarão o documentário, “O Diário de Lidwina”, no Dia Mundial da EM. O realizador brasileiro Leonardo da Gâmbera e Daniel Moreno queriam criar este filme para explorar a EM e o seu impacto sobre as pessoas no Brasil e no mundo. Este documentário incrível é composto por uma série de conversas com pessoas com EM, os seus entes queridos e os médicos. Aborda os sintomas da EM, o diagnóstico e as experiências pessoais com a EM. Estamos muito contentes que Peer Baneke, diretor executivo da Federação Internacional de EM, apareça no documentário.

A ser lançado no Dia Mundial da EM! Veja o excerto

A MS Austrália criou uma animação muito comovente para o Dia Mundial da EM, que irá explorar a experiência de uma mulher que vive com os sintomas invisíveis da EM. Analisa o modo como as pessoas muitas vezes não veem ou não entendem os sintomas da EM, com uma mensagem clara: “não tem de ver os meus sintomas de EM para acreditar neles”. A animação será lançada no Dia Mundial da EM.

Veja o excerto:

A MS Irlanda foi para as ruas perguntar ao público irlandês o que sabem sobre a EM, quem contrai a doença, a EM no local de trabalho e os sintomas invisíveis. Estes vídeos são uma excelente forma de desfazer estes equívocos e mitos sobre a EM! São de real ajuda ao dar destaque ao trabalho que todos ainda temos de fazer em sensibilizar para a EM e para o seu impacto invisível sobre a qualidade de vida.

No México, a Esclerosis Múltiple Puebla de los Ángeles filmou quatro pessoas a falar sobre a sua EM, o seu diagnóstico e os seus sintomas. Muito poderoso! 

No Luxemburgo, Multiple Sclérose Lëtzebuerg apresentou o filme “Small grey clouds” (“Pequenas nuvens cinzentas”). É um filme com belas imagens, realizado pela alemã Sabine Merina, que foi diagnosticada com EM em 2011. Ao receber o diagnóstico, o médico disse-lhe: “Sabine, há uma pequena nuvem cinzenta no seu céu azul”. Para ela parecia mais uma enorme tempestade. O filme explora as suas questões e medos como pessoa recém diagnosticada com EM. Como parte das suas atividades para o Dia Mundial da EM, a Multiple Sclérose Lëtzebuerg apresentou este filme muito tocante, que foi mostrado pela primeira vez nos cinemas alemães em 2015.

A Multiple Sklerose Gesellschaft Österreich na Áustria lançou um filme chamado “Balancing Act”, que mostra uma jovem mulher – bem-sucedida no seu trabalho, com uma família feliz – de repente é confrontada com um diagnóstico de EM. O objetivo do argumentista era mostrar como a EM pode ter um impacto sobre toda a família. O filme aborda uma variedade de sintomas invisíveis (fadiga física e mental severa), incontinência urinária ou problemas sexuais. 

Para mais informações, clique aqui

notícias relacionadas

mantenha-se atualizado

By clicking submit I confirm that MSIF can send me the World MS Day newsletter. Please click to read our PRIVACY POLICY